Alunos em RR ficam sem aulas presenciais por mais de três semanas após pane em rede elétrica

Foto: Reprodução
Problema ocorreu no dia 14 de fevereiro e, até o momento, não foi solucionado
Por:
Categoria: Extremo Norte TV

Um curto-circuito na Escola Estadual Dr. Ulysses Guimarães deixa estudantes sem aulas presenciais há três semanas. Conforme a mãe de um aluno, a pane na rede elétrica ocorreu no dia 14 de fevereiro e o problema ainda não foi solucionado.

A denunciante afirmou que desde o dia 9 de fevereiro, retorno das aulas, os estudantes só tiveram uma semana e meia de aula presencial na unidade. Desde então, as aulas ocorrem de forma remota.

“A direção mandou um comunicado aos pais explicando que do dia 14 a dia 18 de fevereiro as aulas seriam remotas. Mas, devido a uma pane na rede elétrica da escola e depois disso nunca mais teve aula presencial”, disse.

Aulas remotas prejudicam

Para a mulher, o filho dela que está no 6º ano, está sendo prejudicado por não ter celular para acompanhar as aulas remotas da unidade.

“Para nós é uma perda muito grande e os alunos já se prejudicaram muito. Além disso, nem todo mundo tem celular em casa para acompanhar, no meu caso só tenho um que levo para o trabalho o dia inteiro. Quando chego em casa que tenho que ir imprimir o material que a escola enviou pois não dá para meu filho copiar”, explica.

Diante da situação, a denunciante pede uma resposta do Governo do Estado sobre a manutenção na escola.

“O governo teve dois anos para organizar essas escolas e na verdade não organizou […] agora comunicaram que as aulas continuam remotas por tempo indeterminado por meio de WhatsApp. Como o grupo está restrito não conseguimos reclamar da situação. Por isso queremos que o Governo se pronuncie sobre esse problema que não ocorre só nessa escola”, denunciou.

Governo

A reportagem entrou em contato com o Executivo e aguarda resposta.