Entregador é preso em flagrante enquanto fazia ‘delivery de droga’ no Bairro Cidade Satélite

Foto: Folha BV
Durante a revista, os policiais localizaram 11 porções de maconha e a quantia de R$ 455,00, dentro da caixa de entrega de bebidas. O homem admitiu a posse da droga e ainda confirmou que o restante do material estaria guardado na casa de uma pessoa, em que os policiais tinham realizado o acompanhamento momentos antes. Em ato contínuo, os policiais deslocaram até a residência indicada, onde mora E. S. R., e localizaram um “tijolo” de maconha. O jovem confirmou que estava guardando a droga para R. R. A. A droga foi encaminhada ao Instituto de Criminalística Perito Dimas Almeida (ICPDA) e constado em laudo preliminar que se tratava de 782 gramas de maconha. Os dois homens e o material apreendido foram apresentados na DRE. Contra eles foi lavrado um Auto de Prisão em Flagrante (APF) por crime de tráfico e associação para o tráfico de drogas. Os dois foram apresentados na manhã desta sexta-feira (03), na Audiência de Custódia.
Fonte: Folha BV
Por: Folha web
Categoria: Extremo Norte TV

O entregador R. R. A., de 27 anos, foi preso em flagrante enquanto fazia um delivery de maconha, no bairro Cidade Satélite, nessa quinta-feira, 2. O jovem E. S. R., de 18 anos, também foi preso. Com eles, foi apreendido aproximadamente 800 gramas de entorpecente.

A prisão foi efetuada por agentes da Polícia Civil lotados na Delegacia de Repressão à Entorpecentes (DRE) e no Departamento de Narcóticos (Denarc). De acordo com informações prestadas pela delegada interina da DRE, que presidiu as investigações, Simone Arruda, os policiais investigavam a denúncia da participação de R. R. A., no tráfico de drogas. A investigação aponta que ele usava o serviço de delivery de alimentos, para, também, entregar drogas.

As duas prisões ocorreram no Bairro Cidade Satélite. A delegada explicou que os policiais intensificaram o monitoramento, desde as primeiras horas de ontem (02), e, nas proximidades de uma distribuidora de bebidas localizada no Bairro Cidade Satélite, por voltas das 14 horas, presenciaram uma transação suspeita, realizada entre o entregador investigado pela especializada e um jovem. Durante a investigações, os policiais, acompanharam o suspeito até uma residência no próprio bairro segurando uma sacola e o abordaram.

 

Durante a revista, os policiais localizaram 11 porções de maconha e a quantia de R$ 455,00, dentro da caixa de entrega de bebidas. O homem admitiu a posse da droga e ainda confirmou que o restante do material estaria guardado na casa de uma pessoa, em que os policiais tinham realizado o acompanhamento momentos antes.

Em ato contínuo, os policiais deslocaram até a residência indicada, onde mora E. S. R., e localizaram um “tijolo” de maconha. O jovem confirmou que estava guardando a droga para R. R. A.

A droga foi encaminhada ao Instituto de Criminalística Perito Dimas Almeida (ICPDA) e constado em laudo preliminar que se tratava de 782 gramas de maconha.

Os dois homens e o material apreendido foram apresentados na DRE. Contra eles foi lavrado um Auto de Prisão em Flagrante (APF) por crime de tráfico e associação para o tráfico de drogas. Os dois foram apresentados na manhã desta sexta-feira (03), na Audiência de Custódia.