Partida de futsal amador tem socos entre técnico e árbitros, confusão generalizada e jogo acaba na delegacia, VEJA O VÍDEO:

Foto: Reprodução
Briga começou quando o técnico da equipe Águas Claras reclamou de lance marcado pelo árbitro, foi expulso do jogo. No entanto, antes de sair, agrediu o árbitro. Depois, fora da quadra, o técnico foi agredido por outro árbitro.
Fonte: G1
Por:
Categoria: Extremo Norte TV

Tudo começou quando o técnico do time Águas Claras, Reginaldo Batista, não concordou com um lance marcado pelo árbitro da partida, Márcio Duarte, e acabou expulso. Insatisfeito, o técnico agrediu o árbitro. Fora do ginásio, Reginaldo também brigou com o delegado da partida, o árbitro Rafael Carvalho. A partir daí, houve confusão generalizada.

Procurado, o técnico Reginaldo Batista não quis se pronunciar sobre o caso. A reportagem tenta contato com os árbitros citados.

Com a confusão, a PM foi acionada. Aos policiais o árbitro Márcio Duarte disse que após marcar uma falta contra o time de Reginaldo foi insultado com “palavras de baixo calão” e, por isso aplicou, o cartão vermelho, expulsando o técnico da partida. Foi depois deste momento em que o técnico invadiu a quadra e, com as duas mãos, avançou no rosto do árbitro.

Já o outro árbitro que delegava a partida, Rafael Carvalho, contou à PM, que após a expulsão, ele e o técnico trocaram xingamentos, até que os dois começaram a brigar com socos. Rafael disse ter sido mordido na mão por Reginaldo durante a briga. Já Reginaldo afirma ter sido agredido primeiro no nariz.

Com a briga entre o técnico e a arbitragem da partida, houve confusão generalizada de pessoas que tentaram acalmar os dois lados.

No local, como não houve acordo, a PM levou o técnico e os dois árbitros para a Central de Flagrantes da Polícia Civil. Mas, ao chegarem na delegacia nenhum dos envolvidos quis acusar um ao outro alegando que “era uma confusão de futebol” e que “não havia necessidade de nenhum procedimento policial ou judicial.”

A confusão começou quando faltavam 50 segundos para o fim da partida e o placar estava empatado em 2×2.

O organizador do torneio, João Paulo, informou ao g1 que será realizado uma reunião com a arbitragem para decidir se haverá a continuação da partida ou se vencedor será decidido nos pênaltis.

Após a suspensão da partida entre Minados e Águas Claras, a segunda semifinal foi disputada e o time Santiago venceu o Primavera pelo placar de 1×0.

Com o resultado, o Santiago está classificado para a decisão da 7ª edição da Copa Elite de Futsal, e aguarda o vencedor do confronto que foi suspenso após a confusão generalizada.

Copa Elite

 

A Copa Elite é uma competição de futsal amador realizada todos os anos em Boa Vista, e tem a participação de 64 equipes. Atualmente, está na 7ª edição.