Prestes a iniciar campanha eleitoral, Governador Antonio Denarium abre licitação de R$ 20 milhões para compra de equipamentos agrícolas

Foto: Portal Roraima 1
Segundo o edital, os veículos de carga devem apoiar o “desenvolvimento das políticas agropecuárias no Estado”.
Fonte: Roraima 1
Por:
Categoria: Roraima

Em ano eleitoral, o governador de Roraima, Antonio Denarium (Progressistas), pretende gastar mais de R$ 20 milhões com a aquisição de equipamentos agrícolas, implementos e veículos de carga. O pregão eletrônico 018/2022 foi aberto e publicado na última quarta-feira, 8, no Diário Oficial do Estado.

Oriundo do agronegócio, o pré-candidato à reeleição ao governo do Estado, fortalecerá sua base eleitoral com os equipamentos. Denarium é empresário do agronegócio e um dos maiores produtores de carne bovina de Roraima.

O governo pretende adquirir 21 tratores agrícolas, 21 grades aradoras com pneus e com controle remoto, de no mínimo 14 discos de 28 polegadas; 21 grades niveladoras com pneus e Controle Remoto, com no mínimo 32 discos de, no mínimo, 20 polegadas; 21 carretas agrícolas basculante; 33 caminhões a diesel, com potência mínima de 150CV; sete tratores agrícolas de pneus, com potência mínima de 90 CV, 4×4; 11 caminhões a diesel, com potência mínima de 150CV; sete tratores agrícolas de pneus, com potência mínima de 90 CV, 4×4; e 11 Caminhão a diesel com potência mínima de 150CV; sete tratores agrícolas de pneus, com potência mínima de 90 CV, 4×4; caminhão a diesel, com potência mínima de 150CV. Total de 21 de patrulhas e 33 veículos.

Agência Cenarium entrou em contato com o governo de Roraima, que até a publicação desta matéria não respondeu aos questionamentos.

Justificativa
Na justificativa, a Comissão de Licitação afirma que as patrulhas a serem adquiridas irão ampliar e apoiar ações de preparo de solo, formação de pastagens, correção da acidez, aceiros, gradagem e nivelamento da terra para plantio, assegurando a produtividade das áreas de forma eficiente, garantindo a sustentabilidade cultural, produtiva e ambiental, junto as mais de 15 mil famílias de pequenos produtores rurais, com a possibilidade de multiplicação, alcançando todo o Estado, as quais serão atendidas através das 30 Casas de Produtor Rural (CPRs) distribuídas nos 15 municípios.

Segundo o edital, os veículos de carga devem apoiar o “desenvolvimento das políticas agropecuárias no Estado”, como: ações que promovem a comercialização dos produtos agrícolas por meio da disponibilização de meios de transporte e impactos positivos na economia local.

“A comercialização dos produtos agrícolas oriundos da produção familiar, que é terceirizada por falta de veículos de carga, o que desvaloriza os produtos na fonte e eleva seu preço final, limitando a comercialização devido aos custos empregados, até que cheguem aos locais de comercialização, como feiras livres e supermercados. Portanto, os veículos de carga irão garantir que os produtos possam ser escoados para os locais de comercialização, gerando assim um incremento na renda dos produtores”, diz em um dos trechos o edital.

“Serão adquiridos para cada convênio: 7 equipamentos, 21 implementos e 11 veículos de carga, conforme relacionados no Anexo 1 deste termo. Desta forma, obteremos: a) 21 patrulhas mecanizadas contendo: trator agrícola de pneus de 90CV, grade aradora, grade niveladora controle remoto e carreta agrícola basculante; b) 1 frota de caminhões, de acordo com Anexo 2 deste termo. Assim, serão adquiridos 117 bens”, finaliza a justificativa.